A companhia fecha este ano com 24 novos pontos de venda no mercado e prepara a abertura de quase vinte para o primeiro semestre de 2018

Barcelona, 18 de janeiro de 2018 – A MANGO continua a desenvolver a sua rede comercial no Médio Oriente. A companhia despediu-se de 2017 somando 24 pontos de venda em países como a Arábia Saudita, Israel, Irão ou o Qatar, até alcançar quase 160 lojas.

Entre as aberturas mais destacadas, encontram-se as das cidades de Doha (Mirqab Mall eFestival City), Teerão ou Carmiel, que, para além de oferecer o novo conceito de decoração de interiores da marca, possuem uma superfície de venda compreendida entre os 600 e os 900 m2.

O Médio Oriente é um dos mercados mais relevantes para a MANGO, onde está presente em 14 países. A faturação neste mercado significou, em 2016, 7% do total da cadeia e há mais de 10 anos que a companhia trabalha parte dos desenhos para esta zona num departamento de coleções especiais.

Há aproximadamente um ano que a MANGO lançou a adaptação do seu site e do e-commerce para este mercado. Esta e outras iniciativas, tais como as novas formas de pagamento confirmam o trabalho que está a ser levado a cabo na zona e compõem o plano estratégico para 2018, no qual se prevê a abertura de quase vinte novos pontos em países como Israel, os Emiratos Árabes Unidos ou o Qatar.