A Mango celebra a abertura da sua nova flagship store na Quinta Avenida de Nova Iorque

• O evento reuniu Katie Holmes, Tommy Dorfmann, Annabelle Wallis, Camille Charrière, Julia Von Boehm, Camille Charrière, Sofía Sánchez de Betak, Gala Gordon, Tina Leung, Veronika Heilbrunner e outras pessoas de destaque do panorama nacional e internacional das indústrias da moda e do cinema, bem como amigos próximos da marca.

 

• A Mango leva Miró e Tàpies Barceló ao metaverso e transforma a sua loja na Quinta Avenida num museu físico, digital e virtual.

 

• Com esta abertura na Quinta Avenida em Nova Iorque, a marca reforça a sua expansão nos Estados Unidos com o objetivo de chegar a 40 pontos de venda no país em 2024.

 

• O espaço é um dos primeiros do mundo a ter o novo conceito de design de interiores inspirado no Mediterrâneo.

Situada numa das melhores localizações de Nova Iorque, a Mango abre hoje ao público a sua nova flagship store na Quinta Avenida, uma das primeiras do mundo a aplicar o novo conceito de loja de estilo mediterrâneo.  

 

Para a celebração, a Mango contou com algumas das personalidades mais destacadas da indústria da moda e do mundo do cinema, como Katie Holmes, Tommy Dorfmann e Annabelle Wallis e editores de imprensa e influencers como Camille Charrière e Julia Von Boehm. Também estiveram presentes no evento Mango Girls como Chufy, Camille Charrière, Veronika Heilbrunner, Nuria Val, Marem Ladson, Leti Sala, Gemma Galán, Yan Yan Chan, Arpana e Christine Andrew, bem os Mango Men Marc Forné, Joan Palà e Miguel Carrizo.  

 

Além de um cocktail na loja, nessa mesma noite, a Mango ofereceu um jantar íntimo no restaurante Balthazar, um dos mais icónicos da cidade. 

 

A nova flagship da Mango está localizada no edifício Grande Dame, no número 711 da Quinta Avenida, e conta com uma superfície de 2.100 m2, em que se comercializam as linhas de Mulher, Homem e Criança. Trata-se de um edifício histórico de finais dos anos 20 do século passado, que, além de já ter sido premiado pela sua elegância e beleza, já foi sede de importantes empresas como a NBC, a Columbia Pictures e a Coca-Cola.

 

O novo espaço apresentará as últimas coleções da marca para a estação de primavera-verão 2022. Por um lado, incluirá a linha mais formal da cápsula inspirada nos anos 90, cheia de cores de tendência como o amarelo, o verde e o rosa; por outro lado, também vai incluir as coleções mais descontraídas e de estilo mediterrâneo, como as chamadas Visions of Summer, com o linho e o algodão como tecidos protagonistas, além dos tons mais neutros, como o castanho, o branco, o azul ou os alaranjados.

 

 O conceito de loja está inspirado na cultura popular do Mediterrâneo, na afabilidade e na naturalidade das usas gentes, na arte e no espírito alegre, que formam a base do ADN da Mango. Além de melhorar a distribuição das coleções e o percurso pela loja, o espaço foi concebido não só para exibir as últimas coleções, mas também para aproximar a experiência e a cultura mediterrâneas aos clientes, convidando-os a ser parte, a participar e a desfrutar do estilo de vida que caracteriza a Mango.

 

O projeto arquitetónico deste novo ponto de venda foi concebido com o objetivo de gerar um baixo impacto ambiental. Na criação do espaço, respeitou-se a estrutura existente e foi dada uma segunda vida aos pisos, tetos, iluminação e instalações. Além disso, os revestimentos interiores foram produzidos a partir de materiais biodegradáveis ​​de natureza orgânica. No total, até 70% dos materiais foram reutilizados neste projeto. A loja disporá de Committed Box, contentores em que os clientes poderão depositar têxteis e calçado para dar uma segunda vida às suas peças.

 

No metaverso com Miró, Tàpies e Barceló 

 

Por ocasião da inauguração da sua flagship store na Quinta Avenida, a Mango cocriou uma coleção de vários NFT com obras de três artistas espanhóis de renome: Joan Miró, Antoni Tàpies e Miquel Barceló.

 

A nova loja converte-se, durante onze dias, num museu físico, digital e virtual, oferecendo aos clientes da marca uma experiência única que une arte, moda e tecnología. O espaço recebe as obras físicas dos três renomeados artistas e ecrãs que exibirão os NFT. A coleção também está exposta no metaverso do Decentraland, a primeira vez em que a marca sincroniza uma experiência física, digital e virtual.

 

Com a participação de diversos criptoartistas, a Mango reinterpretou duas obras de Miró (Oiseau Volant e Têteet Oiseau), mais duas de Tàpies (Ulls i Creu e Esgrafiats) e outra de Barceló (Dilatation), das quais se criaram cinco NFT. Na interpretação das obras, os artistas digitais incorporaram diferentes peças da Mango da coleção que se encontra atualmente disponível na loja. Os cinco NFT também serão carregados na plataforma OpenSea, um dos principais marketplaces de tokens não fungíveis, usando a tecnologia blockchain, embora não venham a ser postos à venda.

 

Para o desenvolvimento das obras digitais, a Mango tem colaborado com artistas como Farkas, de origem argentino-húngara, baseado em Buenos Aires e especialista em arte digital, e com Marcos Tamargo, um dos jovens artistas mais destacados do mundo da pintura espanhola e, desde 2019, encarregado de retratar todas as mulheres laureadas com um Nobel. A Mango selecionou também a equipa de La Frontera VR para participar na criação de um NFT como ponto de início da sua colaboração na introdução da Mango nos mundos virtuais e no metaverso. 

 

Plano de Expansão 

 

A inauguração em Nova Iorque é o ponto de partida do plano de expansão que a empresa está a levar a cabo para consolidar a sua marca no país. Para tal, o grupo prevê abrir mais de 30 novos pontos de venda, durante os próximos três anos, sobretudo no sul do país, para chegar a cerca de 40 lojas, até 2024. Pretende-se que, dentro de três anos, os Estados Unidos se tornem num dos cinco principais mercados para o grupo em termos de vendas. Para além da expansão das lojas físicas, o grupo vai dinamizar sobretudo a sua atividade online, com base na Mango.com e marketplaces, até representar 70% da faturação gerada no país.

 

Acordo com a Parsons 

 

Para fortalecer a sua relação com a indústria estado-unidense da moda, a Mango fechou um acordo com a Parsons School of Design, uma das principais escolas de moda do mundo. O objetivo deste acordo é apoiar a nova geração de líderes globais na área do design e do retail através de bolsas para formação. Além disso, a Mango participará nos programas de formação da Parsons (especialmente no Fashion Management Program), contribuindo com o seu conhecimento e experiência internacional na indústria da moda.

 

 

 

A Mango, um dos principais grupos de moda da Europa, é uma empresa global com o design e a criatividade no centro do seu modelo e com uma estratégia baseada na inovação constante, na procura da sustentabilidade e num ecossistema completo de canais e parceiros. Fundada em Barcelona, em 1984, a empresa encerrou o ano de 2021 com uma receita de 2.234 milhões de euros, com 42% de negócio proveniente do canal online e com presença em mais de 110 mercados. Mais informações em www.mango.com

 

Todas as fotos publicadas em press.mango.com poderão ser usadas apenas para fins editoriais e não comerciais. Para qualquer outro fim, incluindo o seu uso em capas, é necessário obter uma autorização por escrito do Departamento de Relações Públicas da Mango em press@mango.com.